19 novembro 2013

Liberdade

Solto a vida e respiro…
Tudo aquilo que preciso
Tudo aquilo que me dá Luz

Solto a dor acomodada em meu corpo…
Tudo aquilo que me faz mal
Tudo aquilo que me prende e não me deixa viver

Solto as amarras que me prendiam e não me deixavam voar…
Tudo aquilo que me assustava
Tudo aquilo que me fazia chorar

Solto a beleza de Ser…
Tudo aquilo que me faz amar
Tudo aquilo que me deixa ser amada

E voo...
Um voo sublime, solto, cristalino e radiante
Cheio de Amor, Paz e muita Liberdade…

Ana Luz

Sem comentários: